domingo, 4 de maio de 2014

PAPEL DO PORTEIRO E O SEU TREINAMENTO



Um porteiro não é apenas um recepcionista que abre e fecha portas ou portões; ele também precisa ter presença de espírito e agir com segurança preventiva. Inúmeros outros casos acontecem com frequência, mas infelizmente muitos profissionais de portaria não estão perfeitamente preparados para exercer a função e caem facilmente nas artimanhas dos ladrões ao serem convencidos a liberar a entrada. Por isso, a melhor opção é a contratação de uma empresa terceirizada idônea, que está mais bem habilitada para a contratação e treinamento desses profissionais, mantendo-os sempre atualizados sobre as novas técnicas utilizadas por bandidos e assim evitar acidentes que ocorrem em série.
Outros fatores essenciais para a segurança de condomínios são os equipamentos modernos, e também a contribuição dos próprios moradores quando seguem as regras e procedimentos internos. Toda vez que uma pessoa não colabora com isso, acaba cooperando para que incidentes desagradáveis ocorram mais facilmente. Além disso, para que o profissional da portaria possa cumprir as normas de segurança, precisa contar também com o bom senso dos condôminos, que podem acabar sofrendo certo desconforto ao ter que atender telefonemas para a liberação e confirmação sobre convidados ou entregas.

AMILTON SARAIVA

Nenhum comentário:

Postar um comentário